Arquivos por mêsabril 2018

Fernanda Souza encerra terceira temporada nesta semana com novos convidados no Multishow

Maria Rita é a convidada do último episódio, na sexta-feira. (Imagem: Divulgação)Na última semana de “Vai Fernandinha”, a apresentadora Fernanda Souza recebe novos convidados para lá de especiais, para entrevistas e brincadeiras. Tiago Abravanel agita o episódio de hoje, segunda-feira, dia 30. Em um bate-papo descontraído, o artista faz um balanço sobre a sua carreira e revela ter o sonho de ter um parque de diversões. Já na terça-feira, dia 01, é a vez da dupla Munhoz & Mariano. Os amigos passam por um quiz de afinidade, além de uma brincadeira com nomes de duplas sertanejas.Na quarta-feira, dia 02, Fernanda Souza mostra algumas expressões em russo no episódio com Caio Castro, já que o ator vai para a Copa do Mundo. Com mesclas de entrevistas sobre carreira, eles também fazem uma batalha de macarrão instantâneo, no inédito regado a descontração. No dia seguinte, quinta-feira, os youtubers Felipe Castanhari e Luba são os convidados. Ao longo do programa, eles contam um pouco mais sobre a rotina na era da Internet, além de brincarem com fotos analógicas. Para encerrar a terceira temporada em grande estilo, Maria Rita agita a sexta-feira, ao lado da apresentadora. Além da parte de entrevistas, elas se divertem com jogos de mímica e de um tutorial de maquiagem. Fernanda também a presenteia com um sapato que idealizou junto a uma designer. A exibição é de segunda a sexta, às 22h30, no Multishow.

Amazon inicia as gravações da segunda temporada de ”American Gods"

Neil Gaiman dá a largada para as filmagens da segunda temporada de Deuses Americanos. (Imagem: Divulgação)O escritor Neil Gaiman anunciou nesta segunda-feira (30) o começo das filmagens da aguardada segunda temporada de Deuses Americanos, série Original Prime Video. A produção retorna com novos episódios em 2019. As primeiras imagens, postadas no perfil de Gaiman no Twitter, foram filmadas em Wisconsin, na atração turística House on The Rock, cenário onde Shadow Moon se encontra com os deuses antigos. Além das boas vindas do próprio Gaiman, Rick Whittle, o protagonista, e Yetida Badaki, a deusa Bilquis, também aparecem comemorando o retorno da série.Baseado no best-seller homônimo, Deuses Americanos é estrelada por Ricky Whittle (The 100, Austenland), como Shadow Mooon, Ian McShane (Deadwood, Piratas do Caribe), como Mr. Wednesday, e Emily Browning (Sucker Punch, Lendas do Crime) como Laura Moon.A segunda temporada vai contar com o retorno de Pablo Schreiber (13 Horas, Orange is The New Black) como Mad Sweeney, Yetide Badaki (Aquarius, Masters of Sex) como Bilquis, Bruce Langley como Tech Boy , e Kristin Chenoweth como Easter, além de novos personagens.Além da nova temporada de Deuses Americanos, outra série baseada na obra de Gaiman chega em breve ao Prime Video. Good Omens, adaptação do popular romance de Neil Gaiman e Terry Pratchett, será lançada no serviço de streaming em 2019.

LIFETIME celebra o Dia das Mães com abertura de sinal por dez dias

Em comemoração ao Dia das Mães, o LIFETIME abre o sinal nas principais operadoras de TV paga de 4 a 13 de maio. (Imagem/Divulgação)O sinal do LIFETIME estará aberto para todos os assinantes da SKY, Vivo e Oi, entre outras operadoras de TV por assinatura, 24 horas por dia, entre os dias 4 e 13 de maio. Esta ação é em comemoração ao Dia das Mães, uma vez que a mulher é a protagonista do Lifetime e celebrada em toda a sua essência.Nesse período, entre as inúmeras atrações, o canal exibe o último episódio da terceira temporada de UnREAL (7), o final da segunda temporada de Fit to Fat to Fit (8), uma seleção de grandes produções no Lifetime Movies inéditos, episódios de Quero Ser Top Model e a reapresentação do longa de sucesso A Rainha da Cocaína, estrelado por Catherine Zeta-Jones (12).

Em decisão inédita, Canal Viva pode encurtar reprise de Bebê a Bordo

A direção artística do Canal Viva estaria insatisfeita com o desempenho da reprise de Bebê a Bordo, exibida de segunda a sábado na faixa das 15h30. No ar desde janeiro, a substituta de Tieta, está tendo repercussão pífia, inclusive nas redes sociais.

Os fãs da novela perceberam um fato inédito no capítulo exibido na tarde desta segunda-feira, 30/04. O canal pago, que faz parte do Grupo Globo, começou a compactar os capítulos originais. Um fato inédito, uma vez que a emissora, até então, sempre exibiu à integra as novelas autorizadas pela Globo. 

O objetivo seria antecipar o término de Bebê a Bordo. A substituta deve ser Brega & Chique, de Cassiano Gabus Mendes, ou  Baila Comigo, de Manoel Carlos. A emissora, via assessoria, ainda não confirma.

Diferentemente da fase atual, em 2017, o Viva comemorou recordes com reapresentações de A Gata Comeu e Tieta. No ano passado, a faixa das 15h30 teve média de 272 mil espectadores e cravou a quarta colocação no ranking geral da TV por assinatura.
 

Pabllo Vittar estreia como apresentadora no Multishow nesta terça

Pabllo Vittar estreia como apresentadora no Multishow. (Imagem: Divulgação)A drag queen mais influente do país é do Multishow. O fenômeno Pabllo Vittar, que já soma quase sete milhões de seguidores no Instagram, faz sua estreia como apresentadora de TV em um programa que vai reunir emocionantes histórias de vida e performances musicais. Em “Prazer, Pabllo Vittar”, o público conhece ainda mais sobre a cantora, sua trajetória e inspirações. Com cinco episódios, o programa vai promover encontros com convidados para abordar temas como família, personalidade, ídolos, bandeiras e futuro. A estreia é no dia 1º de maio, às 21h, com exibição sempre às terças-feiras, no mesmo horário.Pabllo Vittar encara esta nova etapa de sua carreira como um desafio: “Estou realizando um sonho! Tenho que agradecer muito ao Multishow por essa oportunidade, mas também aos meus fãs, que me colocaram nessa posição e que me dão a força diária que eu preciso. O programa vai ser a minha cara! Se preparem para muitas performances musicais e muita gente legal que vou entrevistar! A maioria são meus amigos e outros são pessoas que possuo um carinho muito grande e que vou adorar conhecer melhor. O palco está incrível, tenho até um closet no meio do cenário e uma plateia! Estou muito grata por mais este desafio na minha carreira e empolgada para levar o que eu faço e as minhas mensagens para o público da TV e conseguir atingir ainda mais pessoas com o meu trabalho”, declara.No primeiro episódio, a apresentadora recebe Preta Gil e seu filho, Francisco, para um bate-papo recheado de curiosidades sobre o núcleo familiar dos convidados e descontração. Pabllo participa do tema e faz declarações sobre a relação com sua família. Além de seus sucessos, Pabllo também apresenta hits de divas do pop, como Britney Spears, de quem é fã.O estúdio conta com um palco com paineis de led onde Pabllo Vittar apresenta suas performances musicais, acompanhada de seu corpo de bailarinos em algumas delas, além de uma plateia. No cenário, um closet foi montado para a preparação de figurino e maquiagem da apresentadora. O estúdio tem ainda um ambiente intimista para as entrevistas com convidados.Além dos cinco episódios no linear, “Prazer, Pabllo Vittar” é um programa que já nasce com spin-offs no digital. São três webséries, com diversos episódios cada, produzidas com conteúdo exclusivo para o canal de YouTube Música Multishow (www.youtube.com/multishow).Em “Dancing Queens”, Pabllo e seus dançarinos ensinam as coreografias de grandes sucessos da cantora para todo mundo arrasar. A websérie tem três episódios.Na websérie “Destilando Haters”, Vittar recebe convidados como Aretuza Lovi, Gloria Groove, Gominho, Lexa, MC Pocahontas e Preta Gil para bate-papos regados a bons drinks e muito bom humor para encarar os comentários dos haters na internet. São cinco episódios, com estreia no dia 1º de maio.Já em “Bem Menininha”, Pabllo entrega truques para ser tornar uma drag queen bem ‘babadeira’. Ao lado da youtuber Blogueirinha de Merda e do influenciador John Drops, eles dão dicas de maquiagem, ensinam como fazer um bom lip sync e ainda como arrasar nas fotos e no carão nas redes sociais. São três episódios a partir do dia 04 de maio.E momentos exclusivos dos bastidores de “Prazer, Pabllo Vittar”, envolvendo a apresentadora e seus convidados, estarão no site (www.multishow.com.br) e nas redes sociais do Multishow – Facebook, Instagram e Twitter – para matar a curiosidade sobre tudo que acontece nas gravações do programa.

A audiência da primeira semana de Onde Nascem os Fortes

A primeira semana de Onde Nascem os Fortes garantiu à TV Globo bons índices de audiência. Além de manter a média de público da segunda linha de shows, a supersérie superou o desempenho inicial de Os Dias Eram Assim, no ar no início de abril do ano passado.

Os primeiros quatro capítulos de Onde Nascem os Fortes acumularam 18 pontos de média ante 16 da antecessora.

Onde Nascem Os Fortes é uma supersérie de George Moura e Sergio Goldenberg, com direção artística de José Luiz Villamarim. Escrita com a colaboração de Flavio Araujo, Mariana Mesquita e Claudia Jouvin, a obra tem também a direção de Walter Carvalho e Isabella Teixeira. A direção geral é de Luisa Lima. No elenco, estrelas como: Alexandre Nero, Patrícia Pillar, Fábio Assunção, Alice Wegmann, Gabriel Leone, Debora Bloch, entre outros.

A audiência da despedida do Estrelas do Brasil

A lado de Fátima Bernardes e Lília Cabral, suas duas últimas convidadas do programa, Angélica falou sobre o privilégio de ter passado os últimos 11 anos comandado o Estrelas. Ela não segurou as lágrimas ao falar sobre os momentos de alegria e emoção que viveu com a sua equipe. “Nesse tempo todo a palavra que pode definir é ‘gratidão’. Esse programa me proporcionou muitos momentos incríveis, especiais, principalmente com a minha família. Nesses 11 anos nasceu muita gente e essa gente toda participou. Vinham na gravação, ficavam aqui comigo. Gratidão por cada pessoa da equipe do meu programa… Eu vou ficar emocionada”, disse, com lágrimas nos olhos. “Muito obrigada. Não é um adeus, é um até breve, mas cheio de emoção, porque são 11 anos de muita coisa boa”.

O Estrelas deixa a programação da Globo em meio a uma crise de audiência: apesar de não ser mais ameaçado pela Record, que trocou as reprises de Pica-Pau pelo Balanço Geral, seguiu sendo a menor audiência das tardes da emissora.

Angélica se despediu do público em primeiro lugar no horário, mas com menos audiência do que a reprise de Sai de Baixo. Na Grande São Paulo, o Estrelas deu 10,6 pontos de média na Grande São Paulo, contra 11,5 do seriado protagonizado por Miguel Falabella.

Anatel registra queda de 17,6% nas reclamações contra as operadoras em março

Anatel registra queda de 17,6% nas reclamações. (Imagem: Divulgação)A Anatel registrou 266,4 mil reclamações contra prestadoras dos principais serviços de telecomunicações (telefonia móvel, telefonia fixa, banda larga fixa e TV por Assinatura) em março de 2018.A telefonia móvel na modalidade pós-paga registrou um total de 88.653 queixas, os principais motivos foram cobrança (48,46%), qualidade e funcionamento (10,12%), e ofertas e cancelamentos (9,97%). Na modalidade pré-paga, 36.347 reclamações se dividiram em créditos pré-pagos (41,53%), ofertas, bônus e promoções (17,29%) e qualidade e funcionamento (15,12%).Os principais motivos de queixas em fevereiro de 2018  na telefonia fixa, com 60.143 reclamações no total, foram sobre cobrança (35,37%), qualidade e funcionamento (24,05%) e cancelamento (10,31%). O serviço de banda larga registrou 45.077 reclamações divididas em: qualidade e funcionamento (46,37%), cobrança (21,19%), e instalação (9,36%). Foram registradas 33.640 queixas sobre TV por assinatura, os principais motivos foram: cobranças (44,64%), sobre qualidade e funcionamento (10,57%), e sobre bloqueio e suspensão (10,27%). Na telefonia móvel pós paga, os principais motivos de reclamação foram: cobrança (48,46%), qualidade e funcionamento (10,12%) e cancelamento (9,97%). E na telefonia móvel pré-paga, as principais causas foram: crédito pré-pago (41,53%), oferta, bônus e promoções (17,29%) e qualidade e funcionamento (15,12%). Reclamações por empresasAo se comparar os meses de janeiro a março de 2018 com janeiro a março de 2017, dos grupos acompanhados pela Anatel, a TIM na telefonia móvel, com mais 3,4  mil reclamações (+2,4%), e a NET na banda larga fixa, com mais 1,4 mil (+7%), foram as únicas a terem aumento de queixas na prestação dos serviços de telecomunicações. A NET registrou um aumento de 9% das reclamações em março de 2018 em comparação a março de 2017.Na telefonia móvel, a Vivo apresentou redução de 8,7 mil reclamações (-22,4%) em 12 meses, seguida da Claro, menos 8,1 mil (-23,5%), da Oi, menos 5,3 mil (-25,2%) e da Nextel, com menos 4,8 mil (-47,3%).Na telefonia fixa, a Oi registrou menos 10,9 mil reclamações (-26,7%), a NET, menos 2,2 mil (-23,4%) e a Vivo menos 1,7 mil (-7,4%).Na TV por assinatura, a SKY registrou menos 5,3 mil reclamações (-30,9%), o grupo NET/Claro menos 4,2 mil (-21,3%), a Oi menos 2 mil (-42%), e a Vivo se manteve estável com 3,1 mil reclamações.Na banda larga fixa, a Oi registrou queda de 6 mil (-26,6%) reclamações e a Vivo reduziu 1.100 reclamações (-7,4%). Reclamações por estadoTodos os estados apresentaram redução no número de reclamações. Os estados que apresentaram as maiores reduções foram Roraima (-36%) e Amapá (-35,2%), em março de deste ano em relação ao mesmo mês do ano passado. 

As audiências consolidadas de domingo, 29 de abril

Com Passa ou Repassa, Domingo Legal estanca crise, mas mantém o SBT em terceiro. Show dos Famosos turbina público do Domingão do Faustão, que segura público do Futebol. 

Rodrigo Faro (Hora do Faro) comemora mais uma vitória sobre Eliana, do SBT.

Pela manhã, Chaves fica na cola da Fórmula 1: GP do Azerbaijão. O humorístico tem mais alcance do que Eliana e Domingo Legal, exibidos à tarde.

Confira, abaixo, as audiências de domingo, 29 de abril:

Santa Missa em Seu Lar – 4,1
Antena Paulista – 4,7
Pequenas Empresas, Grandes Negócios – 6,7
Globo Rural – 10,6
Auto Esporte – 10,6
Fórmula 1: GP do Azerbaijão – 9,7
Esporte Espetacular – 9,6
Tamanho Família – 12,7
Temperatura Máxima: Jack, o Caçador de Gigantes – 13,9
Futebol: Campeonato Brasileiro: Fluminense x São Paulo – 18,9
Domingão do Faustão – 18,2
Fantástico – 21,0
Domingo Maior: Voo de Emergência – 12,4

Acelerados – 3,2
Tô de Férias – 4,1
Chaves – 8,2
Mundo Disney – 7,2
Domingo Legal – 6,7
Eliana – 7,1
Roda a Roda – 8,5
Sorteio da Tele Sena – 7,8
Programa Silvio Santos – 11,6
Quem Não Viu Vai Ver – 7,2
SBT Notícias – 4,2

Record Kids – 2,7
Show de Humor – 5,4
Domingo Show – 8,2
Hora do Faro – 9,6
Domingo Espetacular – 8,8
Câmera Record: Os Mistérios da Savana Africana – 6,4
CSI – Investigação Criminal – 3,3

Um ponto no Ibope equivale a 71,9 mil domicílios. Esses números servem como referência para o mercado publicitário.

Fonte: IBOPE / MW – Praça São Paulo

‘Fahrenheit 451’, protagonizado por Michael B. Jordan, estreia em maio no canal HBO

‘Fahrenheit 451’, protagonizado por Michael B. Jordan. (Imagem: Divulgação)Estrelado por Michael B. Jordan (Pantera Negra) e Michael Shannon (A Forma da Água), ‘Fahrenheit 451’, estreia no sábado, 19 de maio, às 22h, simultaneamente com os Estados Unidos, no canal HBO e na HBO GO. O filme, baseado no livro homônimo escrito pelo autor americano Ray Bradbury, descreve um futuro em que a mídia é só entretenimento, a história é reescrita e “bombeiros” queimam livros.Jordan interpreta Montag, um jovem bombeiro que abandona o seu mundo após brigar com o seu mentor, Beatty – interpretado por Michael Shannon -, e luta para recuperar a própria humanidade. Sofia Boutella (A Múmia) é Clarisse, uma informante que está entre os interesses competitivos de Montag e Beatty. O elenco conta ainda com Lilly Singh no papel de Raven, uma jornalista sensacionalista que trabalha com o corpo de bombeiros para difundir a propaganda do regime através da transmissão dos incêndios de  livros. O filme tem direção e produção executiva de Ramin Bahrani, que escreveu o roteiro com Amir Naderi. Também são produtores executivos Sarah Green, Michael B. Jordan, Alan Gasmer e Peter Jaysen. A produção é de David Coatsworth.  Sobre o livro “Fahrenheit 451” Ambientado em uma cidade indefinida (provavelmente localizada no meio-oeste dos Estados Unidos) em uma época também indefinida no futuro depois de 1960, “Fahrenheit 451” é um romance distópico do escritor norte-americano Ray Bradbury publicado em 1953. O livro apresenta uma futura sociedade americana onde os livros são proibidos e há “bombeiros” que queimam qualquer exemplar encontrado. Em uma entrevista no rádio em 1956, Bradbury contou que escreveu “Fahrenheit 451” devido à sua preocupação na época (durante a era McCarthy) com a ameaça de queima de livros nos Estados Unidos. Nos anos seguintes, ele descreveu o livro como um comentário sobre como a mídia reduz o interesse pela literatura. Um visionário para o seu tempo, Bradbury explorou como os meios de comunicação dirigiriam os pensamentos e as ações do povo, em uma iniciativa que teve repercussão ao longo de muitos anos.